0item(s)

Nenhum produto no carrinho.

Leilão dia 25 de Março

Product was successfully added to your shopping cart.

Noemia Mourão

1912 à 1992

Biografia
Em 1932 foi aluna de Di Cavalcanti, com quem se casou no ano seguinte. Na companhia de Di mudou-se para o Rio de Janeiro, onde ilustrou poemas para jornais. Em 1934, ainda em companhia de Di, seguiu para Europa. No Recife permaneceu três anos, entrando em contato com Gilberto Freyre, Cícero Dias, Lula Cardoso Ayres, entre outros artistas e escritores. Em 1935, depois de uma breve estada em Lisboa, no mesmo ano fixou residência em Paris. Freqüentou as academias de la Grande Chaumiere e Ranson, e estudou na Sorbonne em 1936. Regressou ao Brasil em 1940, fixando-se em São Paulo, onde em 1948, desenhou cenários e figurinos para o Teatro brasileiro de Comédia. Dentro das comemorações do IV Centenário da Fundação de São Paulo, em 1954 projetou cenários e figurinos para o balé Fantasia Brasileira. Em meados dos anos 60 percorreu o pais em pesquisa de arte plumária indígena, pesquisas estas que resultaram no livro Arte Plumária e máscara de dança do índios brasileiros (1971). Realizou individuais no Brasil e no exterior e participou de diversos salàµes em Paris. Esteve presente na Bienal de São Paulo de 1957. Referências: prefacias desgarrados (Cátedra, 1978, v. 1), de Gilberto Freyre, entre dois séculos: arte brasileira do século XX na coleção Gilberto Chateaubriand (JB, 1987), de Roberto Pontual, 150 anos de pintura no brasil: 1820/1970 (Ilustrado pela coleção Sérgio Fadel, Colorama, 1989), de Donato Mello Júnior, Ferreira Gullar e outros.

Nenhum produto coincide com esta seleção.